Rádio pop no Canadá toca Rage Against the Machine sem parar após demissão de DJs

Não se sabe se ato tem relação com demissão dos DJs ou se é caso de “stunting”, prática usada quando emissoras de rádio passam por reformulação

O Rage Against the Machine continua sendo um símbolo de protestos, como parece ter mostrado uma rádio no Canadá. A KiSS FM (sem relação com a rádio brasileira ou a banda americana homônimas) tem tocado “Killing in the Name”, um dos maiores hits da banda, repetidamente desde a última quarta-feira (29).

Acredita-se que a execução da música de forma ininterrupta seja uma espécie de manifestação dos funcionários. Eles protestam pela demissão de pelo menos três DJs conhecidos na cidade de Vancouver, onde a estação fica localizada.

De acordo com o site Vancouver Sun, os DJs interromperam a canção apenas para abrir espaço aos pedidos dos ouvintes – e eles estão ligando justamente para pedir “Killing in the Name”. Quando uma pessoa entrou em contato para solicitar outra canção, o responsável pela programação simplesmente a ignorou e voltou à mesma faixa de sempre.

A notícia chegou a Tom Morello, guitarrista do RATM, que compartilhou a informação em sua página no Twitter.

Outra possibilidade levantada por veículos locais seria o fato de que a KiSS FM está mudando seu público-alvo, o que teria relação com a saída dos profissionais. Conhecida por tocar basicamente música pop e algumas baladas de rock, a emissora de rádio estaria passando por uma reformulação.

A prática de repetir a mesma música por muitas horas antes da mudança drástica – conhecida como “stunting” – já aconteceu em outras rádios.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
16
Share