Curiosidades Destaque

A curiosa participação de Myles Kennedy no filme Rock Star


Muitos não sabem, mas o vocalista Myles Kennedy, hoje consagrado pelos trabalhos com Alter Bridge e Slash, fez uma participação no filme ‘Rock Star’, lançado em 2001. O longa é protagonizado por Mark Wahlberg e Jennifer Aniston, trazendo outros astros do rock no elenco, como Zakk Wylde e Jason Bonham.

A “pontinha” de Myles foi curta, mas importante. Ele dá vida ao jovem Mike, ou Thor, que se torna vocalista da banda Steel Dragon depois que Chris “Izzy” Cole (interpretado por Wahlberg) decide sair, no meio de um show. Izzy, inclusive, canta com Thor no palco momentos antes de abandoná-lo no “trabalho dos sonhos”.

Ao todo, pelo menos três vocalistas são retratados no filme, mas apenas a voz de Myles Kennedy é usada de verdade. No caso dos outros cantores, há dublagens de Mike Matijevic (Steelheart) e Jeff Scott Soto (Sons of Apollo, ex-Yngwie Malmsteen, Talisman e outros), pois os atores não sabiam cantar – ou não cantavam tão bem.

– Leia também: De Judas Priest a Steel Dragon, os fracassos e triunfos do filme ‘Rock Star’

Em recente entrevista ao podcast Talking Shred, com transcrição do Blabbermouth, Kennedy se relembrou do trabalho em ‘Rock Star’. Ele se divertiu com o trabalho, apesar do filme ter sido um fracasso de bilheteria.

“Foi uma viagem, tudo aquilo. É engraçado, porque eu não estava nem atuando, porque eu era esse cara de Spokane, Washington, daí estou em Hollywood fazendo um filme com esses caras de peso. Eu pensava: ‘o que estou fazendo aqui?'”, afirmou Myles, que, na época, fazia parte do Mayfield Four.

O cantor disse que era fácil interpretar “aquele cara bobo que estava todo empolgado por estar ali com a banda”. O motivo? “Eu era, de fato, um cara bobo que estava todo empolgado por estar com aquela banda. Foi insano. Totalmente natural. Não houve atuação nenhuma ali. Era apenas eu sendo um idiota”, completou, aos risos.

Veja a participação:

 

‘Rock Star’ é inspirado na trajetória do vocalista Tim ‘Ripper’ Owens, que cantava em uma banda cover de Judas Priest e, tempos depois, acabou ocupando a vaga de Rob Halford no grupo real. A ideia era que o filme realmente fosse baseado na história, mas o baixista Ian Hill relata, em entrevistas, que embora os integrantes tenham oferecido ajuda, a produção do longa evitou contato e trabalhou em um enredo bem diferente.

Embora tenha sido um fiasco de bilheteria – arrecadou menos de US$ 20 milhões e deu prejuízo, considerando o orçamento estimado de US$ 38 milhões a US$ 57 milhões – ‘Rock Star’ se tornou um clássico cult para os fãs de hard rock e heavy metal. A trilha sonora, com músicas compostas exclusivamente para o longa e performances de Zakk Wylde, Jeff Pilson, Jason Bonham e os vocalistas Mike Matijevic e Jeff Scott Soto, também chama atenção.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *