Resenhas

Alice Cooper: 25 anos de “Trash”



Alice Cooper: “Trash”
Lançado em 25 de julho de 1989
Com exceção de alguns momentos entre o final da década de 1970 e início dos anos 1980, em que passou por problemas com drogas, Alice Cooper sempre se manteve constante em seus trabalhos. Mas depois de “Go To Hell”, algo parecia perdido em seus discos.
A essência de Cooper enquanto excelente intérprete e ótimo compositor se recupera de fato em “Trash”, 18° disco de estúdio, que hoje completa 25 anos de lançamento. O próprio cantor admite que foi salvo por “Trash”. “Achei que jamais faria o mesmo sucesso, até que veio ‘Trash’ e vendeu cinco milhões de discos”, afirmou, em entrevista ao Guitar International.
Musicalmente, Alice soa renovado: o cantor mergulhou nas influências do hard rock oitentista, em evidência na época. Mas sem exageros ou farofices. A proposta é direta, transmite frescor e evidencia, também, os talentos da banda de apoio no estúdio.
As composições, feitas todas em parceria com Desmond Child – também produtor -, tem algumas participações de Joan Jett, Kane Roberts, Jon Bon Jovi e Richie Sambora. São canções feitas para emplacar. Praticamente todas as faixas poderiam ser singles. E o interessante é que a identidade foi mantida: há algo de horripilante, de shock rock, de temoroso em momentos pontuais.
O reflexo do bom trabalho feito em “Trash” está na repercussão. Desde 1977, com “You And Me”, Alice Cooper não emplacava um single no top 10 das paradas dos Estados Unidos – “Poison” foi a responsável. O disco chegou ao segundo lugar das paradas britânicas e chegou a posições muito boas para alguém já veterano em outros países.
A tríade de abertura, com o super hit “Poison”, a grudenta “Spark In The Dark” e a fantástica “House Of Fire” – esta, com Joe Perry na guitarra -, são alguns dos destaques. Vale citar, também, a baladíssima “Only My Heart Talkin'” e a divertida “This Maniac’s In Love With You”. No mais, “Trash” é um disco essencial de Alice Cooper.

01. Poison
02. Spark In The Dark
03. House Of Fire
04. Why Trust You
05. Only My Heart Talkin’
06. Bed Of Nails
07. This Maniac’s In Love With You
08. Trash
09. Hell Is Living Without You
10. I’m Your Gun


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *