Guilherme Salomão

Guilherme Salomão
8 POSTS0 COMENTÁRIOS
https://igormiranda.com.br
Guilherme Salomão é Criador de conteúdo, Crítico de Cinema e Produtor Audiovisual carioca apaixonado por Cinema e Música desde que se conhece como gente. Administrador por formação, foi autor do TCC “O Poder da Marca no Cinema: O Caso Star Wars de George Lucas” na PUC-Rio, obtendo nota máxima em forma de reconhecimento pelo seu trabalho e dedicação. Cinéfilo de carteirinha, na produção já se dedicou a projetos que vão desde curtas e longas-metragens até videoclipes de artistas iniciantes.

Royal Blood faz show pesado e em sintonia com fãs do Rio

Duo britânico encerra curta turnê de duas datas pelo Brasil com apresentação tecnicamente primorosa e forte aceitação do público

Crítica: “Guerra Civil” é história envolvente sobre peso de ser um jornalista de guerra

Com Wagner Moura no elenco, filme aposta em bom trabalho de som e imagens impactantes para perfeita construção de personagens

Barão Vermelho celebra passado e presente ao concluir turnê no Rio

Performance derradeira da “Barão 40” uniu diferentes gerações da banda no Circo Voador

Crítica: “Godzilla e Kong: Novo Império” funciona praticamente só para os fãs

Filme assume universo fantasioso e colorido com direito a abordagem bem-humorada com monstros, mas mesmice pode entediar quem não é tão afeito à ideia

Crítica:  “Garra de Ferro” faz pressão familiar ir do espetáculo à tragédia

Diretor Sean Durkin realiza escolhas certeiras para contar chocante história real da família Von Erich, famosa no meio da luta livre

A inusitada participação de Sting na versão de “Duna” por David Lynch

Vocalista e baixista do The Police interpretou o vilão Feyd-Rautha Harkonnen na primeira adaptação da obra de Frank Herbet, lançada em 1984

Crítica: “Duna: Parte II” busca mais conexão dos espectadores com seu universo

Cineasta Denis Villeuneve não abandona o épico, mas dá foco também a rituais, crenças e gestos da obra de Frank Herbert

Men at Work inicia turnê no Brasil com show no Rio que vai do morno ao irressistível

Apresentação liderada pelo único membro original Colin Hay desperta pouco entusiasmo de início, mas engrena assim que hits são enfileirados