O melhor álbum do século 21, na opinião de Mike Portnoy

Baterista do Dream Theater escolheu álbum lançado em 2003 como um de seus favoritos de todos os tempos

Mike Portnoy não esconde sua admiração pelo Muse. O baterista do Dream Theater acredita que a banda não só é impressionante, como também é a responsável pelo melhor álbum do século 21 até o momento. 

Por meio das redes sociais, o músico revelou que “Absolution” (2003) permanece como o seu disco favorito lançado nas últimas duas décadas. Em seu próprio ranking pessoal, o projeto ainda ocupa um espaço entre os 10 primeiros lugares de todos os tempos.

- Advertisement -

Ele escreveu:

“Conclusão que fiz recentemente: ‘Absolution’, do Muse, ainda é o meu álbum favorito do século 21! Sim, tivemos muitas música incríveis nos últimos 25 anos, mas esse é o único álbum que consegue entrar no meu Top 10 pessoal de todos os tempos até agora.”

Anteriormente, o baterista já havia eleito “Absolution” como o seu disco favorito de 2004 e da década inteira. Já em 2006, reconheceu a influência do trabalho do Muse no álbum “Octavarium” (2005) do Dream Theater em entrevista à fanzine Muse-IN, pontuando:  

Leia também:  O melhor álbum do Pink Floyd na opinião de Mike Portnoy

“Bem, eu não escondi que o Muse é uma das bandas que mais me impressionou nos últimos anos. Inevitavelmente, quando ouvimos outras bandas durante o tempo de composição, a inspiração pode surgir de uma forma realmente consciente, porque aquilo faz parte da gente naquele momento. Às vezes, as pessoas nos atacam enquanto nos reprovam violentamente por termos influências. Mas quando somos amantes da música, somos inspirados por coisas que amamos.”

Vale destacar que o Dream Theater chegou a fazer um pequeno cover instrumental da faixa “Stockholm Syndrome” ao vivo. Segundo o Setlist.fm, as execuções aconteceram em apresentações de 2006.

Muse e “Absolution”

Lançado em setembro de 2003, “Absolution” é o terceiro álbum de estúdio do Muse. O disco ficou conhecido pela sonoridade mais pesada e por trazer temas apocalípticos nas letras. “Stockholm Syndrome”, “Time is Running Out”, “Hysteria”, “Sing for Absolution”, “Apocalypse Please” e “Butterflies and Hurricanes” saíram como singles. O trabalhou chegou ao topo da parada britânica.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesO melhor álbum do século 21, na opinião de Mike Portnoy
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades