Notícias

Ritchie Blackmore vê volta do Rainbow mais como nostalgia, diz Candice Night



O guitarrista Ritchie Blackmore enxerga o Rainbow, banda que retomou suas atividades desde 2016 para alguns shows, como um “projeto de nostalgia”. A afirmação é de Candice Night, esposa de Blackmore e backing vocal da banda – além de cantora do duo Blackmore’s Night -, em entrevista ao Metal Rules.

Durante o bate-papo, Candice Night foi questionada sobre a diferença entre trabalhar com o Blackmore’s Night e o Rainbow. “Com o Blackmore’s Night, temos que saber mais de 60 músicas. Ritchie e eu sabemos até mais. A forma é muito livre, já que aceitamos pedidos da plateia e temos repertórios diferentes para cada noite. Ritchie toca seus solos de improviso […], é mais libertador criativamente tocar o que quer, quando quer”, disse, inicialmente.

– A opinião de Ritchie Blackmore sobre Yngwie Malmsteen

“Com o Rainbow, acho que ele vê isso mais como um projeto de nostalgia que ele pode revisitar. Ele tem grande respeito pelas bandas daqueles tempos, mas ele percebe que os fãs querem ouvir certas músicas daquela era. […] Nossos colegas de banda são de todas as partes do mundo, então, não podemos apenas nos juntar e tocar. Há uma agenda, pessoas viajando. Eles estão sendo muito prestativos e têm grande energia. Estou muito animada e amo cada momento no palco com eles. É totalmente diferente do Blackmore’s Night, mas é igualmente gratificante”, completou.

O Rainbow foi reformado por Ritchie Blackmore em 2016 e conta com Ronnie Romero nos vocais, Jens Johansson (Stratovarius) no teclado, David Keith (Blackmore’s Night) na bateria, Bob Nouveau (ex-Blackmore’s Night) no baixo e Lady Lynn, juntamente de Candice Night, nos backing vocals.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *