Notícias

‘St. Anger’ provou que solos são necessários no Metallica, diz Kirk Hammett



O guitarrista Kirk Hammett disse, em entrevista à “Metal Hammer”, que solos de guitarra sempre serão necessários no Metallica. A declaração, feita para uma edição da revista que foca no tradicional instrumento, faz referência à ausência de solos em “St. Anger”, polêmico disco lançado pela banda em 2003.

“Acho que foi apropriado para a época, mas olhando para trás, não parece tão apropriado para mim agora! Sempre vou me opor a isso, mas acho que a mensagem foi transmitida depois daquele álbum: que os solos são necessários no Metallica! As pessoas ficam ansiosas para ouvi-los”, disse.

– Leia: Os 15 anos de ‘St. Anger’, do Metallica – um disco que não é tão ruim assim

Kirk Hammett também falou sobre o futuro da guitarra tendo em vista os problemas econômicos enfrentados pela icônica marca Gibson. A fabricante de instrumentos entrou com pedido de falência, no início deste ano, nos Estados Unidos.

“Não sei o que diabos é, mas as pessoas parecem estar vendo a guitarra de forma diferente e substituindo pela p*rra de samplers. Talvez seja um sinal dos tempos. Como todos os instrumentos, há um momento em que (a guitarra) sai de moda. No início dos anos 80, a guitarra não era tão popular como se tornou novamente na metade daquela década, então, vamos ver o que acontece”, disse.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *