Notícias

Yngwie Malmsteen deseja o melhor a seus ex-músicos, mesmo que detonado por eles



O guitarrista Yngwie Malmsteen falou, em entrevista ao VikingDave transcrita pelo Blabbermouth, sobre os ex-integrantes de sua banda solo. O músico contou com diversos nomes consagrados do metal em suas formações de apoio, como Jeff Scott Soto, Bob Daisley, Joe Lynn Turner, Jens e Anders Johansson, Göran Edman, Mike Vescera, Mike Terrana, Cozy Powell, Tim “Ripper” Owens e Derek Sherinian, entre vários outros.

O assunto veio à tona após Malmsteen ser perguntado se gostaria de uma reunião com algum de seus ex-colegas. “Não tenho vontade”, respondeu. “Há uma razão simples para isso. Gosto de tudo que foi feito. Olho para trás e acho que foi o melhor que pudemos fazer. E é isso. O que faço em seguida não é algo que leve ao passado.”

Yngwie Malmsteen diz estar cansado de lidar com vocalistas que ‘pensam ser Elvis’

Em seguida, Yngwie assumiu um discurso “good vibes” ao desejar o melhor para os ex-integrantes de sua banda, mesmo que seja constantemente criticado por eles. “Estou em carreira solo desde 1984. Os outros caras foram contratados. Desejo o melhor para eles, mesmo que gostem de falar coisas ruins sobre mim. E vou seguir em frente, assim como espero que eles façam as coisas deles. Não entendo, há muita briga rolando sobre isso, nunca entendi”, afirmou.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *