Curiosidades Destaque

Pink Floyd não soube lidar com colapso de Syd Barrett, diz Nick Mason



O baterista Nick Mason contou, em entrevista à Rolling Stone, que os membros do Pink Floyd não souberam lidar com os problemas do vocalista Syd Barrett. O cantor, músico e co-fundador da banda deixou a formação em 1968, três anos após sua criação.

Barrett sofreu com diversos problemas, tanto de saúde mental quanto ligados ao abuso de drogas, antes e após sua saída do Pink Floyd. Meio século depois, Mason avalia que os integrantes remanescentes da banda eram “muito jovens e imaturos” para reagir a tudo isso de forma eficaz.

Nick falou sobre o amigo, falecido em 2006, após relembrar a música “Bike”, do álbum de estreia do Pink Floyd, “The Piper at the Gates of Dawn”. “As letras são tão Syd, muito inteligentes. É divertida, mas há uma profundidade de tristeza ali. Quando ouço agora, percebo o quanto éramos jovens e imaturos, assim como estávamos desesperados ao lidar com o colapso de Syd”, afirmou.

O baterista destacou que Syd Barrett fez muitas músicas em um curto período de tempo. “Em menos de dois anos de nosso primeiro show, em outubro de 1967, tínhamos apenas duas ou três músicas. Em um ano, estávamos com várias. No fim de 1966, achávamos que queríamos ser uma banda de R&B, então, nos distraímos e fizemos músicas como ‘Arnold Layne’, ‘Bike’ e ‘Gnome'”, disse.

Atualmente, Nick Mason está em turnê com a banda Nick Mason’s Saucerful of Secrets, cujo repertório aborda apenas os primeiros álbuns do Pink Floyd. Todos os discos lançados antes de “The Dark Side of the Moon” (1973) são contemplados pelo projeto.

– Por que Nick Mason só toca músicas dos primeiros álbuns do Pink Floyd


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *