Curiosidades Destaque

David Coverdale tinha dívida milionária antes de 1987, do Whitesnake



O Whitesnake mudou de patamar após seu sétimo disco de estúdio, autointitulado e conhecido por muitos como “1987”. Embora o antecessor “Slide It In” (1984) tenha exposto a banda ao mercado americano em especial, foi em “1987” que o sucesso veio de verdade, com oito milhões de cópias vendidas só nos Estados Unidos.

Só que, antes de “1987”, a situação não era nada favorável ao vocalista David Coverdale. Em entrevista à Rock Candy Magazine, cantor revelou que tinha uma dívida milionária antes do álbum ter sido lançado.

“Eu estava preparado para o sucesso de ‘1987’? Profissionalmente, sim. Validou o trabalho duro daquele disco. O fato de termos dado seis passos para frente e quatro para trás antes dele não foi culpa só dos caras das formações anteriores. Algumas decisões empresariais não foram boas para nós. Quando assumi o comando, tudo mudou. E, em três meses, passar de três milhões em dívidas para uma riqueza que não tive nem com o Deep Purple foi reconfortante”, disse.

– ‘1987’, o disco do Whitesnake que tinha tudo para dar errado

O sucesso do Whitesnake pode ser atribuído a uma parceria quase inesperada com a MTV. “Foi ridículo aquele período, quando a MTV virou aquele monstro global. Eu ia para um quarto de hotel e quase sempre a MTV já estava na TV. E a cada 10 clipes exibidos, nove eram ou ‘Still Of The Night’, ou ‘Is This Love’, ou ‘Here I Go Again'”, afirmou.

Apesar de se sentir preparado profissionalmente – ele já tinha 36 anos e 15 de carreira -, David Coverdale não se sentia pronto para a fama em si, enquanto personalidade. “Eu estava com Tawny (Kitaen, então futura esposa de Coverdale e atriz dos clipes de ‘1987’) em Los Angeles e não podia ir a lugar nenhum. Se parássemos em um sinal vermelho na Sunset Strip, éramos perseguidos por paparazzi, algo como o filme ‘A Hard Day’s Night’, dos Beatles. Foi a principal razão pela qual me mudei de L.A. para o Lake Tahoe: para viver em uma vila de 5 mil pessoas”, disse.


Igor Miranda
Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Escreve sobre música desde 2007. Atualmente, é redator do Whiplash.Net, o maior site sobre rock e heavy metal do Brasil. Também é editor-chefe da revista e site Guitarload, para guitarristas, e redator do site Revista Cifras, a página editorial do portal Cifras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *